Skip to Secondary Navigation Skip to Main Content

Current Domain

BrasilChange

Languages

Esquistossomose

Esquistossomose, ou bilharzíase, é uma doença parasitária causada por platelmintos do gênero Schistosoma. Formas prematuras dos parasitas, liberadas por caracóis de água doce, penetram a pele de pessoas que se encontram na água.

(Fonte: OMS)

(Imagem: CDC)

Os parasitas imaturos se desenvolvem no corpo até virarem esquistossomos adultos, os quais vivem nos vasos sanguíneos. As fêmeas liberam ovos, alguns dos quais são eliminados na urina ou nas fezes. Outros ovos ficam presos nos tecidos do corpo, provocando uma reação imunológica.

Na esquistossomose urinária, existem danos progressivos causados na bexiga, ureteres e rins. Na esquistossomose intestinal, há um aumento progressivo do fígado e do baço, danos ao intestino e hipertensão dos vasos sanguíneos abdominais.

Quais são os principais sintomas?

Os sintomas da esquistossomose são causados pela reação do organismo aos ovos dos vermes, não pelos vermes em si. Os efeitos são normalmente reversíveis com tratamento. Esquistossomose crônica pode afetar a capacidade de trabalho das pessoas e, em alguns casos, pode ser fatal.

A esquistossomose intestinal pode resultar em:

  • Dor abdominal
  • Diarreia
  • Sangue nas fezes
  • Aumento do fígado ou baço (em casos avançados), frequentemente associado ao acúmulo de fluido na cavidade peritoneal e hipertensão dos vasos sanguíneos abdominais 

A esquistossomose urogenital pode resultar em:

  • Hematúria (sangue na urina)
  • Fibrose da bexiga e uretra e danos nos rins (em casos avançados)
  • Câncer de bexiga (uma complicação possível em estágios posteriores)
  • Lesões genitais (em mulheres)
  • Sangramento vaginal (em mulheres)
  • Dor durante o ato sexual e nódulos na vulva (em mulheres)
  • Patologia das vesículas seminais, próstata e outros órgãos (em homens)

Em crianças, a esquistossomose pode causar:

  • Anemia
  • Desnutrição
  • Redução na capacidade de aprender

A esquistossomose é diagnosticada através da detecção de ovos de parasitas em exame de fezes ou urina. Crianças com S. haematobium quase sempre possuem uma quantidade microscópica de sangue na urina. Deve-se perguntar a crianças se já perceberam sangue em sua urina.

Como prevenir e tratar esquistossomose?

A prevenção e o controle da esquistossomose são baseados em:

  • Tratamento preventivo
  • Controle dos caracóis
  • Boas condições sanitárias e educação em saúde

Praziquantel

  • O único tratamento disponível contra todas as formas de esquistossomose
  • Eficaz, seguro e barato
  • O risco de se desenvolver doença grave é reduzido e até mesmo revertido quando o tratamento é iniciado na infância, apesar de ser possível ocorrer reinfecção após o tratamento.
  • A frequência do tratamento é determinada pela prevalência da infecção ou hematúria visível (no caso de esquistossomose urogenital) em crianças em idade escolar.
  • O tratamento pode ter que ser repetido a cada ano durante diversos anos em áreas de grande risco de transmissão.

(Fonte: OMS)

 

 

 

 

4
Average: 4 (1 vote)
Your rating: Nenhum

© Copyright 2001 - 2014 One Economy Corporation